Casa Tuga

Archive for the ‘Sociedade’ Category

A Microsoft acabou de lançar um vídeo, no seu serviço de partilha de vídeos o SoapBox, no qual mostra uma previsão do nosso futuro daqui a 10 anos, no qual teremos uma vida cheia de tecnologia. Bem, à uns anos atrás a Microsoft também criou um vídeo de uma previsão, mais especificamente sobre o Microsoft Surface e cá esta ele !!

(Como não estou a conseguir inserir o video no artigo deixo-vos de seguida o link para o visualizar)
**Os Macfans obviamente estão já em acção e começam a comentar sobre o Plágio da Microsoft, ao usar uma idea que esteve, em tempos em desenvolvimento pela Apple. Apesar de estar já desactiva.

Anúncios

Como, pudeste ler na imagem, o melhor a fazer durante crises economicas, è continuar a trabalhar como nunca antes, enquanto os outros ficam de braços cruzados. Assim no futuro a sua vantagem parente todos os que nada fizerem será enorme!

Seguindo a dica do Paulo, autor do Fique-rico, vou fazer uma pequena lista dos objectivos traçados para o ano de 2009, para os quais trabalharei bastante para que sejam atingidos e até ultrapassados com uns bons números. Se o mesmo acontecer, poderei até, receber um prémio, que o Paulo poderá oferecer aos webmasters mais persistentes. Sem mais nada a dizer, passemos à minha lista.

objectivos-2009

1. Chegar ao fim do ano com cerca de 10 lojas no sitecompras.com, um projecto do Custódio, no qual, ele nos permite montar uma loja BANS, nas quais podemos ganhar umas pequenas comissões do eBay. Em contrapartida ele ganha algum dinheiro com a publicidade AdSense. Parece-me mais do que justo, tendo em conta, que o script usado para montar as lojas custa cerca de 100 dólares; render minimamente (Isto é, algumas dezenas de euros mensais no total :P)

2. Estabelecer o meu novo blog, como referência luso-brasileira, para o assunto de que se tratará. Ter bastantes artigos nas primeiras pesquisas do Google, para as mais variadas pesquisas sobre o tema. (Assim que o domínio for comprado, poderei dar mais detalhes, até ficará em segredo)

3. Chegar ao fim do ano a receber no mínimo 100€ mensais, com o blog que falei no ponto anterior, BANS, alguns sites que possa vir a fazer (Actualmente não tenho ideias para nenhum :S), venda de produtos, como por exemplo, logótipos; etc etc

Tio Patinhas Walt Disney 4. [Game Mode] Aproveitar o máximo que puder para aumentar o meu score no DiHitt e reentrar no Top200 [/Game Mode] desta rede noticiosa. (Actualmente estou em 459).

5. Convencer a GameForge, empresa que criou vários jogos online (gratuitos), entre os quais, Ikariam e Ogame; a vender merchandising, dos seus jogos, podendo ser inicialmente em parceria com uma empresa especializada (CafePress talvez) e a criar um sistema de afiliados não só para o merchandising vendido mas também para novos jogadores que sejam enviados para os vários jogos que mantêm, principalmente os que comprarem os bónus habitualmente existentes.

(Este é o menos provável de acontecer, porque além de já ter enviado um email para lá, há mais de uma semana, no qual queria evitar futuros problemas de infração de direitos de autor, e ainda não ter recebido qualquer resposta, esta sugestão se fosse para a frente ia dar muito trabalho)

Qualquer pessoa que queira também traçar os seus objectivos para 2009, poderá dar um saltinho ao Fique-Rico, no artigo onde ele explica como poderá participar neste “projecto comunitário”.

Barack Obama não pára de dar sinais de que quer ser um presidente de mudança. A mais recente iniciativa foi o lançamento de um site no qual convida todos os americanos a participarem na governação do país.

Change.gov Site Barack Obama opinião popular "Your seat at the table" que significa o "seu lugar na mesa" é uma inovação da equipa de transição Obama-Biden Transition Project, que pretende garantir que todos os documentos políticos de encontros oficiais com as mais diversas organizações não governamentais vão ser publicados e disponibilizados para serem revistos e discutidos no endereço www.change.gov.

"Isto quer dizer que estamos a convidar o público americano a ter um lugar na mesa e iniciar um diálogo sobre assuntos e ideias importantes", pode ler-se num comunicado do responsável pelo projecto de transição de Barack Obama, John Podest.

Na prática o que o próximo presidente dos Estados Unidos sugere é que a população tenha acesso às propostas que o futuro governo norte-americano vai recebendo para traçar o seu plano de acção político e que as comente e enriqueça com novas sugestões.

"Todos os dias encontrámo-nos com organizações que nos apresentam ideias para o programa de transição e administração, seja oralmente ou por escrito", explica John Podest. "Nós queremos assegurar que damos ao povo americano um lugar na mesa e que recebemos o benefício do seu ‘feedback’, destaca o responsável pela equipa de transição.

A iniciativa foi divulgada ontem e estão já disponíveis para consulta uma série de documentos das reuniões já realizadas.

Fonte: JN

 

A nova loucura do francês Rémi Gaillard , desta vez, imitando um dos jogos da Nintendo, Mario Kart pelas ruas de uma cidade francesas. Obviamente, para acompanhar a corrida, a música que habitualmente acompanha os títulos da Nintendo e a atirar bananas contra os carros que circulam na estrada. O melhor, é que, aparentemente, o rapazinho ganha o pão fazendo loucuras deste tipo desde 2002, onde se disfarçou de jogador de futebol (Colocando, apenas, o uniforme dos restantes jogadores e tendo um comportamento semelhante), conseguindo posteriormente comemorar com toda a equipa e ter cumprimentado o presidente francês. Aconselho totalmente, a quem quiser rir um pouco (ou não) ver o perfil, criado por ele, no Youtube.

‘Momento da Verdade’ vem demonstrar, e de forma fulgurante, que, mesmo a troco de dinheiro, dizer a verdade nunca é boa ideia. Toma lá esta, Platão

Momento da Verdade - Dizer a verdade não compensa

Confesso que, quando a SIC estreou o programa Momento da Verdade, temi o pior. Julguei tratar-se de mais um produto televisivo aviltante, o que me colocaria um problema difícil. Eu vejo pouca televisão, mas nunca perco um produto aviltante. A televisão tem uma capacidade de aviltar que não é ultrapassada por qualquer outro meio de comunicação e por isso constitui, para mim, a principal fonte de aviltamento. Se tomo conhecimento de que há produtos aviltantes nas grelhas, pego nas pipocas e vou para o sofá ser aviltado. Imaginem o meu alívio quando constatei que o Momento da Verdade é, afinal, serviço público, e o programa mais interessante da televisão portuguesa, quer do ponto de vista ético quer do ponto de vista filosófico. Como é óbvio, um produto com estas características não me interessa. Para isso, vou ler livros.

O que o Momento da Verdade vem demonstrar, e de forma fulgurante, é que, mesmo a troco de dinheiro, dizer a verdade nunca é boa ideia. Toma lá esta, Platão. Se houvesse televisão na Grécia Antiga, um certo e determinado senhor teria uns aditamentos a fazer a certas e determinadas obras, não era? Era.

No programa da SIC, o dinheiro que os concorrentes levam para casa, ao contrário do que sucede nos outros concursos, não é, de todo, um prémio: é um suborno. O dinheiro aqui não premeia uma boa acção, um talento, ou uma capacidade; compensa uma falha.

Dizer a verdade, normalmente, é isso: uma maldade.

Vivemos em tempos difíceis, eu sei. Se não estivéssemos em plena crise acredito que ninguém estaria disposto a trair a sua consciência e tudo o que acredita ser decente e honesto, para ir à televisão fazer uma coisa condenável como dizer a verdade a troco de um punhado de euros. Mas é em tempo de crise que se aprendem as maiores lições, e esta é das mais pedagógicas. Momento da Verdade recorda-nos que a verdade é um bem precioso, demasiadamente precioso para se partilhar com toda a gente. Como tudo o que é precioso, devemos guardá-la bem, e mostrá-la ao menor número de pessoas possível.

O ideal é deixá-la escondida num sítio ao qual nem nós tenhamos acesso. O mérito de Momento da Verdade é que nos lembra tudo isto num tempo em que a verdade parece gozar ainda de um prestígio incompreensível. Todos os dias ouvimos a verdade ser gabada. Que a verdade é para ser dita. Que a verdade é como o azeite, vem sempre ao de cima. Grande coisa. Sabem o que é que também anda sempre à tona? O cocó.

Fonte:Visão

O presidente da Câmara de Lisboa, apresentou hoje o Plano de Actividades e Orçamento para 2009, com um valor de 643 milhões de euros que terá como prioridades a reabilitação, o espaço público e a escola.

"Este orçamento só foi possível graças às bases sólidas que se conseguiu imprimir este ano", afirmou António Costa, destacando que o Plano de Actividades para 2009 permite "relançar o investimento", com um aumento de 46 por cento das verbas previstas.

Em relação ao investimento da autarquia, que aumenta em 94,9 milhões de euros, acrescem 20 milhões de euros relativos às verbas provenientes do Casino e outros 50 milhões do empréstimo do banco Europeu de Investimento.

Os 643 milhões de euros (mais 48,8 milhões face ao anterior) de financiamento previsto correspondem a uma receita estrutural de 523,8 milhões (mais 30,6 milhões), a uma receita extraordinária de 91,7 milhões (mais 46,4 milhões) e a um financiamento alheio de 27,7 milhões de euros (aumentou 11,4 milhões).

Ao nível das despesas estruturais do município, António Costa sublinhou a subida de 62,6 para 79,8 milhões de euros (mais 27,5 %) do serviço da dívida, "fruto do chumbo do Tribunal de Contas ao empréstimo a que teríamos acesso a condições excepcionais".

A título de exemplo, o presidente da autarquia afirmou que, com as condições que estavam negociadas, o empréstimo permitia um spread de 0,09 pontos, enquanto que agora o spread que a Câmara conseguiu acertar foi de 0,475.

"Este valor é muito superior ao que teríamos se tivéssemos podido utilizar o empréstimo bancário", afirmou.

O autarca chamou ainda a atenção para o peso do orçamento participativo, no valor de 5,1 milhões de euros, que serão aplicados em cinco projectos escolhidos pelos lisboetas e que abrangem sobretudo as áreas do espaço público, espaço verde e acessibilidades (pistas cicláveis e corredor verde Parque Eduardo VII-Monsanto).

Recuperação de Edificios Históricos Na área da Reabilitação Urbana – uma das três prioridades do orçamento camarário para 2009 – estão previstos, entre outros, projectos como o relançamento das empreitadas em 42 edifícios nos bairros históricos, onde serão recuperados 142 fogos, a reabilitação do bairro Pedro Queirós Pereira, na Alta de Lisboa, a intervenção nos bairros das Amendoeiras, Lóios, Armador e Condado, em Marvila, em sete edifícios municipais devolutos dispersos pela cidade e nas áreas urbanas de génese ilegal.

No Espaço Público, estão previstas parcerias ao nível da limpeza urbana com juntas de freguesia para uma experiência piloto, a extensão da recolha selectiva porta-a-porta e será contratado externamente o serviços de limpeza urbana "por insuficiência de meios da autarquia" para a freguesia dos Olivais e a zona da Baixa-Chiado.

Entre os dez projectos estruturantes na área no espaço público estão a ligação pedonal entre o Chiado e o Largo do Carmo, o início das obras de acesso ao castelo no Mercado Chão de Loureiro e no Largo do Caldas, a construção da passagem pedonal sobre a 24 de Julho, a continuação da reabilitação do espaço público no Bairro Alto, a rede de pistas cicláveis e a criação do Parque Vale Fundão.

Na terceira prioridade do orçamento da Câmara de Lisboa para 2009 – a Escola – estão previstas a construção de 11 novas escolas e jardins-de-infância e obras de recuperação em dezenas de estabelecimentos de ensino e a criação de um projecto piloto integrado num programa de transportes escolares para a cidade de Lisboa.

Fonte: RTP