Casa Tuga

Clubes de futebol profissional pretendem aumentar receitas

Posted on: 20 Fevereiro 2009


Os representantes dos clubes da Liga Vitalis, reunidos hoje, no Porto, consideram que “o actual modelo competitivo está falido” e pretendem aumentar as receitas para fazer frente à crise.

O presidente do Varzim, Lopes de Castro, foi o porta-voz dos 16 clubes no final da reunião, durante a qual foi mandatada a direcção da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) para elaborar um estudo de viabilidade.

“A verdade é que os custos de organização são idênticos entre a Liga Sagres e a Liga Vitalis e, se a receita é inferior, é preciso resolver este buraco.

Entendemos que, sem mexer nos montantes da Liga, temos que arranjar forma de subir substancialmente os da Liga Vitalis”, adiantou.

Se um clube descer da Liga à Liga Vitalis, ainda de acordo com Lopes de Castro, “sofre uma redução nas receitas de trinta vezes. Temos que repensar o conceito de futebol profissional e o modelo desta competição”.

Os clubes da Liga Vitalis apelam à necessidade de equilibrar as receitas comparativamente à Liga, nomeadamente no que respeita aos direitos de transmissão televisiva dos jogos em que é de 50 milhões para um milhão.
“Falta dinheiro. Não vindo da televisão, é complicado ir buscar a outro lugar”, considerou Lopes de Castro, que enalteceu a presença de praticamente todos os clubes. Portimonense e Santa Clara foram os únicos ausentes, mas fizeram-se representar pelo Varzim.

Continuar a ler….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: